close

ANÁLISE

logo safra

BBDC4

-

Cosan tem valuation atrativo

A Cosan detém participações em empresas com características únicas e perspectivas de crescimento muito boas, segundo a análise do Safra


O banco Safra está iniciando a cobertura da Cosan com recomendação de Compra e preço-alvo de 12 meses de R$ 24 por ação, o que implica um potencial de alta de 69%.

A Cosan detém participações em empresas com características únicas e perspectivas de crescimento muito boas, segundo a análise do Safra.

Considerando que os múltiplos implícitos para as empresas não listadas Compass e Moove, em nossos valores justos estimados, estão em um desconto em relação a seus pares listados, e que mesmo aplicando um desconto de 20% para nossa soma das partes, que é maior do que a média de 14%, estamos confortáveis com o potencial de alta implícito, o que torna a posse de ações da Cosan uma oportunidade de participar do potencial de seus investimentos listados e não listados.

Cosan tem ativos irreplicáveis

O portfólio da Cosan inclui ativos únicos com perspectivas de crescimento atraentes, alguns dos quais não são listados de forma independente.

Entre eles estão a Raízen, que tem boas margens de distribuição de combustíveis, potencial de etanol de segunda geração e melhoria da produtividade agrícola; a Rumo, que tem uma extensa malha ferroviária; a Compass, que possui empresas com forte geração de caixa e tem a oportunidade de aplicar o roadmap conhecido nas recentes adições ao portfólio e tem boas perspectivas de crescimento para sua divisão de marketing; a Moove, após a consolidação de suas aquisições e as sinergias adicionais a serem capturadas; a Vale, que tem um posicionamento único devido ao seu minério de ferro de alta qualidade e metais de transição energética.

Além disso, a Cosan tem uma gestão ativa de seu portfólio de terras. Bom histórico de turnarounds. A Cosan tem um bom histórico de recuperação de empresas adquiridas, e entendemos que sua equipe de gestão experiente e comprovada aumenta nossa confiança de que eles podem entregar melhorias nos resultados das empresas atualmente no portfólio e nas possíveis novas adições. Isso, em nossa opinião, favorece a redução, ou mesmo a ausência, de um desconto de participação.

Desalavancagem

Uma das preocupações do mercado com relação à Cosan é sua alavancagem. Acreditamos que, à medida que seus investimentos amadurecem e começam a gerar fluxos de caixa mais fortes e, se a empresa decidir não adicionar novos ativos significativos ao seu portfólio, a alavancagem deve começar a diminuir gradualmente nos próximos anos, de um EBITDA estimado de 2,6x no final de 2024 para 2,2x em 2026, sem contabilizar a venda de qualquer ativo. Listagens potenciais da Compass e da Moove.

Um dos eventos que poderia levar o mercado a reconhecer melhor o valor do portfólio da Cosan é a listagem de alguns de seus negócios de capital fechado.

Dessas, o Safra considera que a Compass e a Moove (que representam 36% e 13% de nossa estimativa de valor justo da Cosan, respectivamente) estão mais próximas de atingir a maturidade necessária para a abertura de capital.

O Safra reconhece, entretanto, que a abertura de capital depende de condições favoráveis de mercado que, em nossa opinião, não parecem estar presentes no momento.

Principais riscos

Além dos riscos associados a cada uma das empresas do portfólio, que detalhamos mais adiante no relatório, destacamos os seguintes riscos relacionados à holding:

  • (i) novas aquisições que poderiam aumentar a alavancagem e os riscos de execução ou trazer retornos menores;
  • (ii) estrutura complexa de propriedade da holding, que poderia ser uma fonte de erros de precificação;
  • (iii) restrições no pagamento de dividendos; e
  • (iv) taxas de juros mais altas do que o esperado, o que poderia implicar em uma desalavancagem mais lenta e redução no fluxo de dividendos para os acionistas da Cosan.

Abra sua conta no Banco Safra.


Assine o Safra Report, nossa newsletter mensal

Receba gratuitamente em seu email as informações mais relevantes para ajudar a construir seu patrimônio

Invista com os especialistas do Safra