close

Câmara Americana lança #BrasilPeloMeioAmbiente

Movimento empresarial da entidade que representa um terço do PIB quer reforçar compromisso do Brasil com a preservação ambiental

Desmatamento da floresta amazonica

Empresas vão usar plataforma que usa imagens de satélite e inteligência artificial para prever risco de desmatamento Amazônia | Foto: Getty Images

Na semana em que é realizada a Cúpula de Líderes sobre o Clima, convocada pelo presidente norte-americano Joe Biden, a Amcham (Câmara Americana de Comércio no Brasil) anunciou o lançamento do Movimento #BrasilPeloMeioAmbiente, que reúne 49 empresas com o objetivo de reforçar o compromisso do setor com a preservação ambiental.

Segundo a Câmara Americana, são previstos mais de R$ 12,7 bilhões em ações de sustentabilidade no País. A entidade representa cerca de 33% do PIB brasileiro e é a maior Câmara Americana fora dos Estados Unidos.

“O Brasil é uma potência ambiental e líder natural na agenda mundial de sustentabilidade. Devemos usar esses ativos para melhor nos posicionarmos em uma retomada da economia global cada vez mais verde, circular e de baixo carbono. Temos muito a ganhar no curto, médio e longo prazos”, disse Luiz Pretti, presidente do Conselho de Administração da Câmara Americana.

Mobilização para a Conferência da ONU

Integrado por empresas como Claro, Gerdau, Grupo Carrefour Brasil, JBS, KPMG, Raízen Energia e Santander Brasil; o movimento terá duração até a Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP26), que acontecerá em novembro deste ano, em Glasgow.

“É necessário que esse esforço empresarial venha acompanhado pelo aprofundamento dos compromissos governamentais e de resultados concretos sobre preservação ambiental e combate a mudanças climáticas por parte do Brasil. A atuação consistente nessas áreas determinará o sucesso da nossa recuperação econômica e integração internacional”, afirmou Deborah Vieitas, CEO da Amcham Brasil.

Entre as boas práticas compartilhadas pelas empresas que compõem o movimento estão o lançamento de uma plataforma que usa imagens de satélite e inteligência artificial para prever áreas com maior risco de desmatamento na Floresta Amazônica – financiado pela Microsoft Brasil -, e o assentamento da maior reserva privada de Mata Atlântica no País, com extensão de 31 mil hectares, promovida pelo Legado das Águas, da Reservas Votorantim. (AE)

Assine o Safra Report, nossa newsletter mensal

Receba gratuitamente em seu email as informações mais relevantes para ajudar a construir seu patrimônio