close

Safra indica as ações ESG para investir em junho

Carteira aponta ações com potencial de valorização e de empresas comprometidas com práticas sustentáveis. Veja os ativos

Trem em meio à mata no Brasil, em alusão a Rumo, que está na carteira de ações ESG

Operadora de trens de carga Rumo é uma das companhias que tem as ações elencadas na carteira ESG do Safra | Foto: Getty Images

O Banco Safra divulgou nesta terça-feira, 1º de junho, as ações escolhidas para compor a carteira ESG de investimentos.

Lançada neste ano, a seleção do Safra aponta ativos de empresas nacionais com potencial de crescimento e que se destaquem pela transparência na gestão e pelo comprometimento com práticas sustentáveis.

O objetivo de retorno da carteira de ações ESG da instituição é superar o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da B3, a bolsa de valores brasileira.

Carteira ESG de ações para junho – Banco Safra

Empresa (código) – Setor

  • Rumo (RAIL3) – Transportes
  • BTG Pactual (BPAC11) – Financeiro
  • Itaú (ITUB4) – Financeiro
  • Intermedica (GNDI3) – Saúde
  • Movida (MOVI3) – Locação de Automóveis
  • PetroRio (PRIO3) – Petróleo e Gás
  • Neoenergia (NEOE3) – Utilidades Básicas
  • CPFL (CPFE3) – Utilidades Básicas

Abra sua conta

Retorno e mudanças

No último mês, a carteira ESG de ações do Safra teve valorização de 10,01%, ante 5,40% do ISE. Desde abril, a carteira apresenta uma alta de 11,38%, contra 4,4% do ISE.

Atualmente, a seleção tem o seguinte peso setorial: 25% em utilidades básicas; 25% em serviços financeiros; 12,5% em transportes; 12,5% em locação de veículo; 12,5% em petróleo e gás; e 12,5% em saúde.

Para junho, o banco promoveu duas alterações, substituindo as ações de Magazine Luiza (MGLU3) por Rumo Logística (RAIL3), e de Cemig (CMIG4) por CPFL (CPFE3).

Saiba mais

No caso da Rumo, que tem perfil monopolista no meio ferroviário, o Safra enxerga que a recente queda no valor dos ativos é um bom ponto de entrada, uma vez que a companhia tem apresentado bons resultados operacionais.

Já a CPFL é vista pelo banco como “um ativo premium”. Segundo o Safra, a empresa tem um fluxo de caixa sólido e representa um investimento de baixo risco em termos operacionais.

Mais detalhes sobre a visão para cada uma das ações da carteira ESG do Banco Safra podem ser conferidos por este link.

Assine o Safra Report, nossa newsletter mensal

Receba gratuitamente em seu email as informações mais relevantes para ajudar a construir seu patrimônio