close

As maiores fortunas de atletas na história

Lista de atletas mais ricos do mundo é liderada por Michael Jordan, que tem patrimônio de US$ 2,2 bilhões. Veja o top 30

Michael Jordan de pé com terno, seu tênis, em quadra de basquete com fundo para a Torre Eiffel

Sócio de linha de tênis e roupas com a Nike, estima-se que Michael Jordan tenha faturado US$ 1 bilhão com a parceria | Foto: Getty Images

Atletas talentosos fazem história no esporte. E se forem visionários, também a fazem fora das quadras, campos e pistas. É o caso do ex-jogador de basquete Michael Jordan, que encabeça a lista de atletas com as maiores fortuna na história.

Sócio da Nike em uma linha inteira de tênis e roupas, o americano acumula uma fortuna de US$ 2,2 bilhões (R$ 12 bilhões).

A informação é do portal Celebrity Net Worth, queatualiza periodicamente um ranking com as maiores fortunas de atletas – e outras celebridades – na história.

Jordan doou recentemente US$ 10 milhões (R$ 54 milhões de reais) para abrir clínicas médicas em sua cidade natal, Wilmington, na Carolina do Norte.

Estima-se que Michael Jordan tenha faturado mais de US$ 1 bilhão (R$ 5,4 bilhões) em quatro décadas de parceria com a Nike. A marca que leva seu nome é avaliada em cerca de US$ 10 bilhões (R$ 54 bilhões).

“O contrato fez do Jordan sócio de uma empresa de varejo. Não é mais patrocínio, não é acordo pra programa de TV. O soccer (futebol tradicional nos EUA) fatura menos globalmente para a Nike do que a marca Jordan”, diz Amir Somoggi, sócio diretor da consultoria Sports Value.

Bilionários do esporte

A listagem da Celebrity Net Worth conta com personalidades de modalidades como golfe, futebol e automobilismo, além do basquete de Michael Jordan.

O ranking elenca o patrimônio líquido construído por atletas na ativa, aposentados e falecidos. As origens das fortunas vêm, em sua maioria, mais dos negócios gerados pela imagem trabalhada no esporte do que pela prática em si.

A lista das maiores fortunas dos atletas considera os valores de todos os ativos físicos e financeiros. A moeda utilizada para contabilização é o dólar.

Mais ricos que países

Juntas, as fortunas dos 30 atletas mais ricos do planeta chega a marca de US$ 16,2 bilhões (R$ 90,7 bilhões). O valor em dólares é maior que o PIB de países como Brunei, Bahamas e Nicarágua (Banco Mundial, 2018).

Junto com Michael Jordan, completam o pódio outros dois ex-atletas: o CEO da organização de lutas WWE, Vince McMahon (U$S 1,6 bilhão) e o ex-tenista e banqueiro romeno Ion Tiriac.

Michael Jordan, na década de 1980, com o primeiro par de tênis feito pela Nike com seu nome | Divulgação

Os brasileiros que chegam perto do top 30 são do futebol: Neymar (US$ 200 milhões) e Ronaldo “Fenômeno” (US$ 160 milhões).

O domínio da lista por esportistas aposentados – e alguns menos conhecidos mundialmente – mostra o tamanho da importância de se investir bem a receita acumulada com a prática desportiva.

“Os que que ganham muito dinheiro são os que, além de uma boa gestão esportiva, têm boa gestão extracampo e marketing. Agora, os que foram ainda mais incríveis se envolveram em negócios além disso”, explica Somoggi.

Fonte das fortunas dos atletas

O melhor exemplo de atletas que acumularam grandes fortunas com negócios vem do líder do ranking.

Michael Jordan assinou contrato com a empresa de material esportivo Nike em 1984. O que começou como uma cessão do nome e imagem para vender tênis hoje é uma sociedade.

Outra fonte de receita que pode tornar atletas que estão em atividade em bilionários – caso de Cristiano Ronaldo, Lionel Messi e Neymar, todos do futebol – são as redes sociais.

Segundo a Forbes, Cristiano Ronaldo tem um dos maiores faturamentos anuais por postagem no Instagram em todo o mundo: U$S 23 milhões.

“Um jogador como o Cristiano Ronaldo, quando parar, vai chegar a ter patrimônio de U$S 1 bilhão”, afirma Sommogi. “Para ele é mais interessante postar do que jogar. Mas, claro, ele só tem esse valor porque joga e formou sua imagem”.

Ausência feminina

Um infeliz destaque na lista é a ausência de figuras femininas no top 30. A única mulher entre atletas com maiores fortunas é a adestradora e empresária Anna Kasprzak, com US$ 1 bilhão em patrimônio.

Fora a histórica desvantagem e o preconceito estrutural enfrentado por elas no esporte, Somoggi coloca a falta de incentivo de base e consumo como um dos fatores que impedem que as atletas mulheres faturem mais.

Ele toma como exemplo o futebol feminino em que, mesmo em mercados desenvolvidos como Estados Unidos, Noruega e Dinamarca, mostra grande discrepância de salários para os homens.

Nessa esteira, a Nike e a NFL (liga de futebol americano dos EUA) começaram a investir na modalidade em colégios e faculdades do país.

A ideia é que mais mulheres pratiquem e consumam o esporte desde cedo, enraizando o gosto pelo futebol americano.

“Tem que ter um trabalho de base, que é construir uma rede de consumo de esporte feminino para que se alcance a base do masculino. Não adianta querer que um time renda audiência, se você não tiver consumidoras de esporte”.

Patrimônio dos atletas mais ricos do mundo – em US$

  1. Michael Jordan (basquete, aposentado) – 2,2 bilhões
  2. Vince McMahon (wrestling, aposentado) – 1,6 bilhão
  3. Ion Tiriac (tênis, aposentado) – 1,2 bilhão
  4. Anna Kasprzak (hipismo, ativa) – 1 bilhão
  5. Tiger Woods (golfe, ativo) – 800 milhões
  6. Arnold Palmer (golfe, falecido) – 700 milhões
  7. Lionel Messi (futebol, ativo) – 600 milhões
  8. Michael Schumacher (automobilismo, aposentado) – 600 milhões
  9. Junior Bridgeman (basquete, aposentado) – 600 milhões
  10. Roger Staubach (futebol americano, aposentado) 600 milhões
  11. LeBron James (basquete, ativo) – 500 milhões
  12. Cristiano Ronaldo (futebol, ativo) – 500 milhões
  13. Eddie Jordan (automobilismo, aposentado) – 475 milhões
  14. David Beckham (futebol, aposentado) – 450 milhões
  15. Roger Federer (tênis, ativo) – 450 milhões
  16. Floyd Mayweather Jr (boxe, aposentado) – 450 milhões
  17. Greg Norman (golfe, ativo) – 400 milhões
  18. Shaquille O’Neal (basquete, aposentado) – 400 milhões
  19. Phil Mickelson (golfe, ativo) – (golfe) 400 milhões
  20. Jack Nicklaus (golfe, ativo) – 400 milhões
  21. Dwayne “The Rock” Jonhson (wrestling, aposentado) – 400 milhões
  22. Vinnie Johson (basquete, aposentado) – 400 milhões
  23. Alex Rodriguez (beisebol, aposentado) – 350 milhões
  24. Dale Earnhardt Jr (automobilismo, aposentado) – 300 milhões
  25. George Foreman (boxe, aposentado) – 300 milhões
  26. Paul Caddick (rúgbi, aposentado) – 300 milhões
  27. Lewis Hamilton (automobilismo, ativo) – 285 milhões
  28. Gary Player (golfe, ativo) – 250 milhões
  29. Grant Hill (basquete, aposentado) – 250 milhões
  30. Kimi Haikkonen (automobilismo, ativo) – 250 milhões

Assine o Safra Report, nossa newsletter mensal

Receba gratuitamente em seu email as informações mais relevantes para ajudar a construir seu patrimônio

Para investir sério conte com especialistas