close

Mergulhadores japoneses registram imagens de Lula gigante

Mergulhadores japoneses encontram Lula gigante com 2,5 metros de comprimento; espécie pode chegar a até 20 metros

Lula

As lulas gigantes vivem em vários oceanos e, ocasionalmente, chegam à praia, mas vê-las vivas na natureza é um acontecimento raro | Foto: Reprodução

Um casal de mergulhadores captou imagens raras no Japão de uma lula gigante de 2,5 metros de comprimento em seu habitat.

No início deste mês, Yosuke Tanaka e sua esposa Miki, donos de um negócio de mergulho, o Dive Resort T-style, na cidade de Toyooka, no oeste do Japão, foram alertados sobre a lula por um vendedor de equipamentos de pesca que a avistou em uma baía.

Os mergulhadores pegaram seu barco para alcançar a criatura enquanto ela flutuava perto de uma costa rochosa e tiveram a sorte de estar frente a frente com a lula, que se movia lentamente e aparentava estar enfraquecida, com a pele descascando.

“Lá estava. Era uma lula enorme”, disse Yosuke Tanaka na quinta-feira. “Não vimos os tipos de movimentos ágeis que muitos peixes e criaturas marinhas normalmente apresentam”, disse ele. “Seus tentáculos e barbatanas se moviam muito lentamente.”

O tamanho do animal e seus olhos enormes eram impressionantes, e Tanaka disse que estava imaginando o poder que a lula usa para atacar as baleias, que estão entre seus principais predadores.

“Eu podia ver seus tentáculos se movendo. Achei que seria perigoso ser agarrado com força por eles e levado para algum lugar”, disse ele.

As lulas gigantes vivem em vários oceanos e, ocasionalmente, chegam à praia, mas vê-las vivas na natureza é um acontecimento raro.

“Foi muito emocionante. Acho que não há nada mais raro do que isso”, disse ele. “Ouvi dizer que não se sabe muito sobre essa criatura. Eu ficaria feliz se isso nos ajudasse a aprender mais.”

O que são as lulas gigantes?

Nas imagens capturadas pelos mergulhadores, a lula gigante pode ser vista nadando logo abaixo da superfície da água em um local com muitas algas.

No entanto, o animal era bem pequeno para sua espécie, que pode chegar a cerca de 13 metros de comprimento. Há avistamentos de espécimes de até 20 metros de comprimento, mas eles não foram verificados, de acordo com o Two Oceans Aquarium na Cidade do Cabo.

Segundo Tsunemi Kubodera, pesquisador do Museu de Natureza e Ciência de Tóquio, em resposta a NHK o animal provavelmente possui entre 1 e 2 anos. A lula gigante pode chegar até 15 anos de idade.

As lulas gigantes habitam todos os oceanos do planeta, mas geralmente são encontradas no Atlântico Norte, na costa africana, da Nova Zelândia e Japão. No entanto, mesmo sendo enorme e bem distribuída geograficamente, por ser difícil encontrá-las ainda não se sabe muito sobre elas.

A sua raridade também torna difícil saber quantas luas gigantes existem. A estimativa é baseada no estudo estomacal das baleias cachalotes, principal predador das espécies. “Um estudo de Clyde Rober e Elisabeth Shea estimou que até 131 milhões de lulas gigantes são alimentadas por cachalotes a cada ano” aponta Jon Ablett, curador sênior de moluscos e cefalópodes do Museu de História Natural de Londres. (AE com agências internacionais)

Assine o Safra Report, nossa newsletter mensal

Receba gratuitamente em seu email as informações mais relevantes para ajudar a construir seu patrimônio

Invista com os especialistas do Safra