close

Ricardo Leite

A cara do agronegócio está mudando? Pesquisas indicam que sim

Nova geração de sucessores com maior nível de escolaridade e familiaridade com tecnologia está tomando a frente dos negócios

Mulher na agricultura

Cresce 44,2% a liderança das mulheres no campo em 11 anos, principalmente na pecuária e na região Nordeste | Foto: Getty Images


Um relatório produzido, no fim de 2021, pela EY em parceria com a Croplife, mostra que uma nova geração de sucessores com maior nível de escolaridade e familiaridade com tecnologia está tomando a frente dos negócios. Dessa maneira, espera-se, para os próximos anos, a continuidade do crescimento da educação formal e também da digitalização.

Outro dado interessante para pontuarmos: um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) apontou um crescimento de 44,2% da liderança das mulheres no campo em 11 anos, principalmente na pecuária e na região Nordeste do país – seguida pelo Sudeste (14%), Norte (12%) e Sul (11%).

É preciso observar ainda que, segundo a pesquisa da EY com a Croplife, os consumidores também não são mais os mesmos. Mais conscientes sobre as questões ambientais, eles passam a incorporar, a seus critérios de compra, produtos e serviços com as melhores práticas socioambientais.

Sem dúvida, esse é um movimento que acelera e transforma toda a cadeia. Já sentiu o impacto dessa nova realidade em seu negócio?

Abra sua conta


Executivo de finanças com especialização em Inovação pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology). Superintendente executivo do Safra Empresas.

Assine o Safra Report, nossa newsletter mensal

Receba gratuitamente em seu email as informações mais relevantes para ajudar a construir seu patrimônio

Invista com os especialistas do Safra