close

Safra vê cenário para reabertura no 2º semestre

Considerando oferta de vacinas e planos do governo, banco traça projeções sobre impacto positivo da imunização na economia

fila das vacinas

Em cenário otimista, Banco Safra acredita que os 77 milhões pessoas do grupo de prioridade terão 1ªdose em maio | Foto: Divulgação

O Banco Safra divulgou uma análise a relação entre a vacinação contra a covid-19 e a retomada da economia no Brasil.

A divulgação acontece no momento em que o país sofre para avançar com a imunização da população e depende majoritariamente das produções de doses do Instituto Butantan, de São Paulo, e da Fiocruz, no Rio de Janeiro.

vacinacao-1a-dose.png
Foto: Reprodução/Safra

Em um cenário traçado e definido pelo Safra como mais realista, a expectativa é que a vacinação completa dos grupos prioritários por idade estaria estará completa na primeira semana de junho.

Se confirmada a projeção, a normalização da economia seria postergada para o segundo semestre, segundo o Safra.

Projeção otimista sobre vacinação e a economia

Por outro lado, a análise traz um cenário mais otimista, que leva em consideração a atual promessa de entrega e distribuição de vacinas do Ministério da Saúde.

Com essa projeção como norte, o grupo de prioridades, com 77 milhões de pessoas, terá recebido ao menos uma dose na 1ª quinzena de maio.

Na visão do Safra, se consumado o cenário mais otimista para a vacinação, haverá um “alívio mais forte no número de óbitos, potencialmente permitindo uma reabertura sustentável da economia”.

A análise completa elaborada pelo Banco Safra sobre a vacinação e a retomada da economia está disponível para leitura neste link, dentro da Central de Conteúdo da instituição.

Assine o Safra Report, nossa newsletter mensal

Receba gratuitamente em seu email as informações mais relevantes para ajudar a construir seu patrimônio